Investigando modelos pedagógicos para educação a distância: desafios e aspectos emergentes

  • Vendruscolo M
  • Behar P
N/ACitations
Citations of this article
18Readers
Mendeley users who have this article in their library.

Abstract

O estudo apresenta uma investigação qualitativa a respeito de modelos pedagógicos com ênfase na educação a distância, a fim de identificar seus aspectos emergentes. Os avanços sociais, econômicos, culturais e tecnológicos vêm provocando mudanças nas práticas pedagógicas. Consequentemente, provocam o surgimento de novos modelos pedagógicos. Para tal, os dados do estudo foram obtidos no Simpósio Brasileiro de Informática na Educação, relativos ao período de 2001 a 2014, por pesquisa bibliográfica. E os resultados evidenciam que, de forma abrangente, os modelos pedagógicos da amostra atendem às características da geração emergente da EAD, com ênfase na aprendizagem centrada no estudante: o primado da flexibilidade, o primado da interação e o princípio da inclusão digital. Contudo, observou-se, adicionalmente, a não consolidação conceitual do termo modelo pedagógico pela comunidade científica, sendo empregado para designar, principalmente, estratégias e ferramentas pedagógicas.

Cite

CITATION STYLE

APA

Vendruscolo, M. I., & Behar, P. A. (2016). Investigando modelos pedagógicos para educação a distância: desafios e aspectos emergentes. Educação, 39(3), 302. https://doi.org/10.15448/1981-2582.2016.3.20666

Register to see more suggestions

Mendeley helps you to discover research relevant for your work.

Already have an account?

Save time finding and organizing research with Mendeley

Sign up for free