CONHECIMENTOS, ATITUDES E PRÁTICA DE HOMENS SOBRE INFECÇÕES SEXUALMENTE TRANSMISSÍVEIS

  • Santos C
  • Oliveira J
  • Lima S
  • et al.
N/ACitations
Citations of this article
10Readers
Mendeley users who have this article in their library.

Abstract

Objetivos: analisar conhecimentos, atitudes e práticas de homens acerca das infecções sexualmente transmissíveis e o uso do preservativo. Método: estudo descritivo, transversal com abordagem quantitativa com caminhoneiros do município de Itabaiana, Sergipe. A coleta de dados ocorreu entre janeiro e março de 2017 com 75 caminhoneiros. Após a coleta de dados, as entrevistas foram transcritas, analisadas e classificadas pelo conhecimento, atitude e prática dos caminhoneiros. Resultados: dos caminhoneiros, 74 (98,6%) possuíam conhecimento adequado acerca das infecções, porém foi possível identificar que as atitudes e as práticas não se apresentavam de maneira adequada, principalmente no que diz respeito ao comportamento sexual e os antecedentes de infecções sexualmente transmissíveis. Conclusão: intervenções efetivas, subsidiadas por planejamento estratégico situacional, devem ser estimuladas para a população estudada em diferentes regiões brasileiras. Assim, reduzem cadeias de transmissão das doenças e promovem saúde.

Cite

CITATION STYLE

APA

Santos, C. M. A., Oliveira, J. D. S., Lima, S. V. M. A., Dos Santos, A. D., Oliveira Góes, M. A. de, & Barbosa de Sousa, L. (2018). CONHECIMENTOS, ATITUDES E PRÁTICA DE HOMENS SOBRE INFECÇÕES SEXUALMENTE TRANSMISSÍVEIS. Cogitare Enfermagem, 23(1). https://doi.org/10.5380/ce.v23i1.54101

Register to see more suggestions

Mendeley helps you to discover research relevant for your work.

Already have an account?

Save time finding and organizing research with Mendeley

Sign up for free