Elementos-Traço Em Águas , Sedimentos E Solos Da Bacia Do Rio Das Mortes , Minas Gerais

  • Zuliani D
  • 10

    Readers

    Mendeley users who have this article in their library.
  • N/A

    Citations

    Citations of this article.

Abstract

A Bacia do Rio das Mortes é uma região do Estado de Minas Gerais caracterizada por vários empreendimentos de mineração, atividades metalúrgicas, industrialização e curtimento de couro. Os objetivos do estudo foram estabelecer teores naturais de elementos-traço para solos de planícies de inundação e sedimentos de fundo dos rios, identificar locais contaminados por elementos-traço e verificar quais são estes elementos e avaliar o grau de contaminação por elementos-traço em sedimentos e solos pela comparação entre os teores obtidos em locais com e sem interferência antrópica. Para poder detectar locais suspeitos de contaminação foi realizado um levantamento de empreendimentos, registrados no IBGE e FEAM nos municípios pertencentes à Bacia do Rio das Mortes. Posteriormente foram amostradas águas, sedimentos e solos em 80 pontos, nesta bacia, no período de 2005 a 2006 para a determinação de pH, turbidez, condutividade eletrolítica, P, N (somente nas águas), Cd, Cu, Cr, Ni, Pb, Mn e Zn também nos sedimentos e solos. Das 80 amostras, 40 localizavam-se em locais suspeitos de contaminação e as outras 40, em locais controle, denominados locais naturais. Os resultados obtidos mostraram que: a) na Bacia do Rio das Mortes, a agricultura não constitui um fator de aumento dos elementos-traço estudados nas três matrizes analisadas. Verifica-se a grande influência de centros urbanos industrializados ou não, e com alta densidade demográfica na dispersão de elementos-traço para o ambiente, podendo este chegar a níveis considerados contaminantes, sendo que o maior fator de impacto é a mineração, seguido do curtimento e industrialização de couros; b) quanto aos elementos-traço nos sedimentos, não houve diferença estatística para os locais suspeitos de contaminação comparados com os locais naturais. Porém, foi verificada a contaminação no solo por Pb nos municípios de Dores de Campos e Prados, Cu, Cr, Ni, Pb e Mn em Nazareno e São Tiago, Cr e Ni em São João del Rei e Cu em Barbacena; c) os sedimentos não foram tão adequados quanto os solos para detectar contaminação por serem, em geral, muito arenosos. É preferível trabalhar com comparações de concentrações de elementos-traço em locais naturais regionais, com o mínimo de intervenção antrópica. Na bacia estudada, há a necessidade de estudos específicos quanto aos tipos de mineração, à área ocupada por esta atividade e, principalmente, à prática de recuperação das áreas após este tipo de exploração. Sugerem-se estudos futuros enfocando os seguintes elementos-traço e grupos de locais suspeitos de contaminação: Pb em Dores de Campos e Prados; Cu, Cr, Ni, Pb e Mn em Nazareno e São Tiago; Cr e Ni em São João del Rei; e Cu em Barbacena.

Get free article suggestions today

Mendeley saves you time finding and organizing research

Sign up here
Already have an account ?Sign in

Find this document

There are no full text links

Authors

  • Daniela Queiroz Zuliani

Cite this document

Choose a citation style from the tabs below

Save time finding and organizing research with Mendeley

Sign up for free