Gestação e predisposição ao aparecimento de estrias: correlação com as propriedades biomecânicas da pele

  • Addor F
  • Schalka S
  • de Melo Cardoso Pereira V
 et al. 
  • 17

    Readers

    Mendeley users who have this article in their library.
  • 0

    Citations

    Citations of this article.

Abstract

Introdução: O aparecimento de estrias na gestação está relacionado à ruptura de fibras colá- genas e elásticas, devido à distensão da pele.As estruturas dérmicas que promovem a distensão e se rompem causando o aparecimento de estrias são também as responsáveis pelas propriedades biomecânicas da pele, como firmeza e elasticidade. A gestação parece propiciar a modificação desses parâmetros, com a finalidade de facilitar a distensão da pele, gerando, portanto, correlação entre esses parâmetros e a possibilidade de formação de estrias durante a gravidez. Objetivo: Detectar a correlação entre a ocorrência de estrias e a capacidade de aumentar a elasticidade dérmica. Métodos: Foram acompanhadas 60 gestantes visando investigar o aparecimento de estrias, bem como medir a firmeza e elasticidade da pele com o equipamento Cutometer® MPA 580. Resultados: Foi observada correlação positiva entre o aumento de elasticidade e a não ocorrência de estrias. Conclusões: Existe possível correlação entre o aparecimento de estrias e a capacidade de aumentar a elasticidade dérmica.

Author-supplied keywords

  • Dermis
  • Pregnancy
  • Relaxin

Get free article suggestions today

Mendeley saves you time finding and organizing research

Sign up here
Already have an account ?Sign in

Find this document

  • ISSN: 19845510
  • PUI: 362773261
  • SCOPUS: 2-s2.0-80054734454
  • SGR: 80054734454

Authors

  • Flávia Alvim Sant Anna Addor

  • Sergio Schalka

  • Vanessa de Melo Cardoso Pereira

  • Jayme de Oliveira Filho

Cite this document

Choose a citation style from the tabs below

Save time finding and organizing research with Mendeley

Sign up for free