Do Higienismo às ações promotoras de saúde : a trajetória em saúde vocal

  • Penteado R
  • Chun R
  • Silva R
  • 13

    Readers

    Mendeley users who have this article in their library.
  • N/A

    Citations

    Citations of this article.

Abstract

Este artigo tem por objetivo discutir o uso da terminologia “higiene vocal” e “saúde vocal”, considerando-se que a opção por uma ou por outra expressão implica mudanças de referenciais e de concepções que determinam propostas diferenciadas de ações educativas em Saúde, em especial no campo da Fonoaudiologia. O estudo está assentado em aspectos sociais e históricos do Higienismo em Saúde Pública/Coletiva e da Educação em Saúde no Brasil, que busca compreender suas especificidades e implicações na práxis fonoaudiológica. Favorece a reflexão sobre o caráter higienista das ações educativas em saúde e mostra que, tradicionalmente, as ações de “higiene vocal” e algumas sob a denominação “saúde vocal” estruturam-se em fundamentos higienistas que se contrapõem aos atuais pressupostos da Promoção da Saúde. O estudo contribui para repensar a educação em saúde nas diversas áreas da saúde e indica a necessidade de redirecionar a prática fonoaudiológica em Saúde Pública e de buscar uma terminologia, em particular na área de voz, que se mostre coerente com a construção de processos educativos baseados nos pressupostos da Promoção da Saúde.

Get free article suggestions today

Mendeley saves you time finding and organizing research

Sign up here
Already have an account ?Sign in

Find this document

There are no full text links

Authors

  • Regina Zanella Penteado

  • Regina Yu Shon Chun

  • Reginalice Cera Da Silva

Cite this document

Choose a citation style from the tabs below

Save time finding and organizing research with Mendeley

Sign up for free