Identificação dos principais problemas em gestação de risco para nortear ações preventivas

  • Martins M
  • Ghersel E
  • Ghersel H
N/ACitations
Citations of this article
5Readers
Mendeley users who have this article in their library.

Abstract

Introdução: Síndromes hipertensivas, diabetes mellitus e doenças bucais podem causar danos à saúde materna e fetal, portanto merecem atenção.Objetivo: Identificar os principais problemas de saúde que acometem gestantes com gravidez de alto risco para conduzir ações preventivas.Materiais e Métodos: Estudo observacional, transversal, com abordagem quantitativa, realizado com uma amostra constituída por 87 gestantes escolhidas através de amostragem por acessibilidade. Foi utilizado um questionário com perguntas fechadas. Como todas as variáveis são categóricas, foi usado o teste chi-quadrado, com a correlação de Spearman. Os dados foram tratados no software SPSS versão 23.Resultados: O motivo de consulta mais frequente foi para acompanhamento pré-natal de rotina (37,9%, n=33). Do total de 87 gestantes, 44 (50,6%) afirmaram ter algum problema de saúde atual, sendo o mais citado a hipertensão arterial (23%, n=20). Entre os outros problemas de saúde citados, o mais frequente foi dores nas costas (82,8%,n=72), seguido por cárie dentária (49,4%, n=43) e 26 (29,9%) com sangramento gengival. Houve correlação significante (p<0,05) entre a idade das pacientes e a ocorrência de hipertensão arterial. A correlação entre as categorias idade de risco e ocorrência de diabetes mellitus também foi significante (p<0,05).Conclusão: A hipertensão arterial foi o problema mais prevalente, seguido de diabetes mellitus. Entre outros problemas, o mais frequente foi dores nas costas, seguido de cárie dentária e sangramento gengival. Em todas essas condições, ações preventivas têm alcance efetivo e beneficiam significativamente a saúde materno-fetal.

Cite

CITATION STYLE

APA

Martins, M. H. P. de A., Ghersel, E. L. de A., & Ghersel, H. (2017). Identificação dos principais problemas em gestação de risco para nortear ações preventivas. Ciência & Saúde, 10(1), 18. https://doi.org/10.15448/1983-652x.2017.1.23449

Register to see more suggestions

Mendeley helps you to discover research relevant for your work.

Already have an account?

Save time finding and organizing research with Mendeley

Sign up for free