Implicações da respiração oral na função pulmonar e músculos respiratórios

  • Veron H
  • Antunes A
  • Milanesi J
  • et al.
N/ACitations
Citations of this article
60Readers
Mendeley users who have this article in their library.

Abstract

RESUMO A Síndrome do Respirador Oral é caracterizada por um conjunto de sinais e sintomas que podem estar presentes em indivíduos que substituem o modo adequado e eficiente da respiração nasal pelo modo respiratório oral ou misto, por um período igual ou superior a seis meses. O modo respiratório oral ou misto pode estar associado a mudanças na função e mecânica ventilatória. Esta revisão tem como objetivo investigar mais profundamente as consequências da respiração oral na função pulmonar e músculos respiratórios, ressaltando o desenvolvimento de tais alterações desde a infância até a idade adulta. Foram selecionados 18 artigos por meio das bases de dados Pubmed e Web of Science e foram agrupados no texto, compreendendo os seguintes tópicos: 1) Implicações da respiração oral sobre a função pulmonar e 2) Implicações da respiração oral sobre os músculos respiratórios. A partir das informações oriundas dos resultados dos artigos analisados, percebe-se que poucos estudos refutam ou não encontram alguma relação entre as alterações pulmonares e a respiração oral. Sugere-se que, o desequilíbrio muscular produzido por estas alterações pode contribuir para a desvantagem mecânica do músculo diafragma e aumento do trabalho dos músculos acessórios da inspiração. Entretanto, são necessários estudos com métodos mais criteriosos, incluindo avaliações objetivas e reprodutíveis dos músculos respiratórios.ABSTRACT The mouth breathing syndrome is characterized by a set of signs and symptoms, which may be present in subjects who replace the adequate and efficient nasal breathing mode by mouth or mixed breathing mode for more than six months. Mouth or mixed breathing mode may be associated to changes in the ventilatory function and mechanics. This review aims to further investigate the consequences of mouth breathing on the pulmonary function and respiratory muscles, emphasizing the development of such changes from childhood to adulthood. Eighteen articles were selected through PubMed and Web of Science databases and they were grouped in the text, covering the following topics:1) Implications of mouth breathing on the pulmonary function and 2)Implications of mouth breathing on the respiratory muscles. Based on the information from the articles analyzed, it can be noticed that a few studies rejected or did not find any relationship between pulmonary changes and mouth breathing. It is suggested that the muscular imbalance produced by these changes may contribute for the mechanical disadvantage of the diaphragm muscle and the increase of accessory inspiratory muscles work. Nevertheless, studies with more judicious methods, including objective and reproducible evaluation of the respiratory muscles are still needed.

Cite

CITATION STYLE

APA

Veron, H. L., Antunes, A. G., Milanesi, J. de M., & Corrêa, E. C. R. (2016). Implicações da respiração oral na função pulmonar e músculos respiratórios. Revista CEFAC, 18(1), 242–251. https://doi.org/10.1590/1982-0216201618111915

Register to see more suggestions

Mendeley helps you to discover research relevant for your work.

Already have an account?

Save time finding and organizing research with Mendeley

Sign up for free